Economia Bárbara

Emprego

Brasil gera 157,2 mil vagas com carteira no melhor setembro em seis anos

Empregos gerados, que ficaram acima das expectativas do mercado, foram puxados pelo setor de serviços e da indústria; segundo o Caged, pela primeira vez todos os 27 Estados geraram postos formais

Bárbara Leite

Publicado

em

Nordeste foi a região que mais contratou em setembro; por Estados, São Paulo foi o líder–Foto: Agência Brasil

A economia brasileira gerou 157.213 empregos com carteira assinada em setembro, o melhor resultado para o mês desde 2013, quando foram abertas 211.068 vagas formais, segundo números do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) divulgados nesta quinta-feira (17) pelo Ministério da Economia.

O saldo é a diferença entre as contratações e a demissões. Em setembro, o país registrou 1.341.716 contratações e 1.184.503 demissões.

A geração de vagas com carteira assinada no mês passado ficou acima do esperado pelo mercado, que era de 130 mil postos.

Segundo o órgão, pela primeira vez no ano, todas as 27 unidades da federação apresentaram resultado positivo na oferta de vagas formais de trabalho.

Nos nove primeiros meses deste ano, foram criados 761.776 empregos com carteira assinada, um aumento de 6% frente ao mesmo período do ano passado – quando foram abertas 719.089 vagas formais. Esse também foi o maior saldo, para o período de janeiro a setembro, desde 2013 (1.138.562 vagas formais abertas).

Serviços e indústria lideram contratações

O setor de serviços foi o que mais abriu postos de trabalho com carteira assinada no mês passado: 64.533 vagas, seguido pela indústria (42.179), comércio (26.918), e construção Civil (+18.331).

O setor agropecuário foi responsável por 4.463 novos empregos formais e o setor extrativa mineral, outras 745 e administração Pública, mais 492 postos. O único setor com resultado negativo foi o de serviços industriais de utilidade pública, com perda de 448 vagas.

Nordeste: maior geração de vagas formais

Por regiões, o Nordeste apresentou o maior saldo positivo em setembro, com a abertura de 57.035 novos postos de trabalho.

Em segundo lugar ficou o Sudeste (+56.833 vagas) e em terceiro, o Sul (+23.870). O Centro-Oeste vem na sequência (+10.073 vagas) e o Norte, em quinto (+9.352).

Os Estados que mais geraram empregos em setembro foram São Paulo (+36.156 postos), Pernambuco (+17.630) e Alagoas (+16.529). 

Publicidade
Subscreva nossa Newsletter!
Cadastre seu e-mail para receber nossa Newsletter com dicas semanais.
Invalid email address

Mais Lidas